ÁGUA CLARA PREVIDÊNCIA FARÁ RECADASTRAMENTO DE TODOS OS FUNCIONÁRIOS

Água Clara/MS

A Diretoria do Instituto de Previdência Social dos Servidores do Município de Água Clara – Água Clara Previdência, por intermédio de sua Presidenta Mariana Mateus de Souza, considerando a necessidade de cumprir a legislação, esta convocando através de Edital, o recadastramento  de todos os servidores ativos para efetuarem as atualizações cadastrais.

Ainda de acordo com o Edital, o Censo Previdenciário dos servidores ativos será realizado nos dias úteis, no período compreendidos entre os dias 17 de Agosto,  e vai até o dia 25 de setembro do corrente, sempre das 7h30min às 12h30min, na sede do Instituto que fica na Rua Adelaide Rodrigues dos Santos, 04 – Centro.

O segurado deverá comparecer ao Água Clara Previdência conforme cronograma definido no Edital, que pode ser informado pelo chefe imediato, nos locais de trabalho, munidos dos seguintes documentos: Documento com foto, CPF, Comprovante de Residência atual, cartão do PASEP/PIS ou NIT, Titulo de Eleitor e documentos dos dependentes e declaração de tempo de serviço.

Segundo a presidenta “O servidor público municipal estatutário ativo é pessoalmente responsável pela veracidade das informações que prestar a autarquia Previdenciária. E que os chefes imediatos deverá facilitar ao máximo a liberação dos mesmos para a consecução do recadastramento. É de fundamental importância para a transparência e o bom andamento do Instituto o êxito deste procedimento” finalizou Mariana Mateus.

Ademir Azambuja - Presidente do Sindicato dos Servidores Municipais - Foto Facebook
Ademir Azambuja – Presidente do Sindicato dos Servidores Municipais – Foto Facebook

Para o Presidente do Sindiclara, Ademir Azambuja, além do recadastramento seria importante a realização de concurso público, uma vez que quase metade dos funcionários, hoje, são contratados. “ao nosso entendimento a falta e concurso público prejudica o Instituto em todos os sentidos, mas especialmente na questão financeira e  do futuro do nosso Instituto” por isso pediu, na audiência de Quinta (13), a urgência na realização deste certame.