APENAS UM VOTA CONTRA E JOÃO ROCHA É NOVO PRESIDENTE DA CÂMARA

Vereador que votou contra disse que seguiu orientação do partido

João tomou posse nesta sexta-feira. (Foto: Correio do Estado/Arquivo)
João tomou posse nesta sexta-feira. (Foto: Correio do Estado/Arquivo)

O vereador João Rocha (PSDB) foi escolhido no fim da manhã desta sexta-feira (27) para o cargo de presidente da Câmara Municipal, ele ficará no comando da Casa até o fim do ano que vem, quando termina a atual legislatura.

Apesar de o nome de João Rocha ser anunciado como consenso entre os vereadores nos últimos dias, houve um que votou contra: Cazuza (PP).

Ele anunciou que não era “questão pessoal” e justificou que o diretório do PP se reuniu ontem à noite e definiu em não apoiar o nome de Rocha para comandar o Legislativa Municipal.

Ontem, durante agenda pública, o prefeito Alcides Bernal, que é do partido de Cazuza, afirmou temer novo “golpe político” se Rocha fosse o presidente da Câmara.

Entre os desafios do novo presidente está a decisão sobre a continuidade do boicote a projetos de Alcides Bernal (PP) depois que ele não tomou providências sobre corte de comissionados e não respondeu a pelo menos 47 requerimentos dos vereadores.

Outra situação é a definição sobre a Comissão de Ética, já que João Rocha é presidente desse grupo e se for escolhido para presidir a Casa, terá de deixar todas as comissões que faz parte.

Se João Rocha sair mesmo da Comissão de Ética, a relatoria de processos que tramitam e avaliam quebra de decoro por parte de vereadores em caso de envolvimento em compra de votos fica nas mãos de Airton Araújo (PT), relator da comissão. Fonte Correio do Estado.