APÓS MATÉRIA SOBRE PROCESSO, PÁGINA “TRÊS LAGOAS NO FACE” É EXCLUÍDA

Três Lagoas/MS

Comentários e imagens foram postadas na página Três Lagoas no Face (Foto: Reprodução)
Comentários e imagens foram postadas na página Três Lagoas no Face (Foto: Reprodução)

Em menos de 12 de horas de publicada a matéria sobre o pedido de inquérito policial movido pelo Promotor Público Antônio Carlos Garcia de Oliveira “Totó” contra a página “Três Lagoas no Face”, as publicações difamatórias foram retiradas da rede social, assim como todo conteúdo do perfil excluído. A busca do Facebook não identifica mais a existência da página denunciada.

O promotor moveu a ação contra o conteúdo por ter sua honra e idoneidade feridas nas postagens e comentários feitos na página sobre a realização do Motoshow, evento anual que é tradição na cidade e atrai centenas de turistas movimentando o comércio, ramo hoteleiro e alimentício local.

“Três Lagoas no Face” produziu diversos ataques ao evento, principalmente gerando opiniões negativas e maldosas, na opinião de Totó, sobre o repasse de R$ 100 mil pela Prefeitura Municipal e que teve aprovação unânime dos vereadores.

DIREITO

O site Perfil News conversou com o promotor que falou que a intenção foi resguardar seus direitos e sua honra e, explicou que não é contra os comentários ou opiniões postadas em redes sociais, desde que expressados com limites ou embasados na verdade. “Tudo que foi postado foi um ataque direto, uma tentativa de marginalizar o Motoshow e manchar a minha conduta e ética, fazendo com que milhares de internautas pensem coisas irreais ao meu respeito. Me senti no direito de me defender”, concluiu Totó.