EXPECTATIVA DE AFASTAMENTO DE BERNAL AGITA POLÍTICA NA CÂMARA

Campo Grande/MS

bernal1
Bernal ainda não conseguiu derrubar na Justiça o efeito da cassação do mandato. (Foto: Álvaro Rezende / Correio do Estado)

Há expectativa na Câmara Municipal de que ocorra nos próximos dias, novo afastamento do prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). Além disso, existem fortes rumores de que Mario Cesar (PMDB) renuncie ao posto de presidente da Casa, do qual foi afastado no mês passado pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul (TJ-MS).

Diante desses dois fatores, os vereadores já se preparam para definir como ficará o futuro da Capital. Isto porque, segundo a legislação, o próximo a ocupar a chefia do Executivo municipal será o vereador que estiver presidindo o Legislativo.

Logo na deflagração da operação Coffee Break, do Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), o presidente interino Flávio César (PTdoB) chegou a ocupar por algumas horas, o cargo de prefeito. Como é a segunda vice da Câmara, a vereadora Thais Helena, acabou ficando com a chefia da Casa de Leis. Com a volta de Bernal, Flávio e Thais ficaram com a presidência e a vice, respectivamente. Fonte: Correio do Estado.