GOVERNO FEDERAL REDUZ TAXA DE JUROS PARA FINANCIAMENTO EMPRESARIAL E RURAL

O Governo Federal reduziu taxas de juros do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro Oeste (FCO) e do Fundo de Desenvolvimento do Centro-Oeste (FDCO) – as duas principais fontes de financiamento de empreendimentos empresariais e rurais em Mato Grosso do Sul.

A partir de 1º de janeiro de 2017, as taxas de juros dos dois fundos caem em média 1 ponto percentual, recuando de 11,18% para 10%, no caso do FCO e de 9,5% para 8,5% no FDCO.

O volume de recurso previsto para o próximo ano também é favorável. Serão R$ 2,2 bilhões no FCO e R$ 783 milhões no FDCO.

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck, avaliou a medida como positiva. “O governo federal compreendeu a necessidade, avaliou as possibilidades diante da conjuntura econômica e reduziu as taxas num patamar bastante satisfatório. Temos agora um conjunto de condições favoráveis à expansão e financiamento de novas atividades privadas no próximo ano”.

Já o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) destacou que a redução da taxa de juros auxilia na atração de novos empreendimentos e geração de empregos no Estado. “Consolida benefícios do setor produtivo do Estado”,avaliou o governador. Fonte Correio do Estado.