Gripe faz duas novas vítimas e número de mortes sobe para 33 em MS

Em um mês, duas pessoas morreram por gripe em Mato Grosso do Sul, de acordo com boletim epidemiológico divulgado ontem pela Secretaria Estadual de Saúde. Com a confirmação dos novos casos, Estado soma 33 vítimas da doença no ano.

Conforme o boletim, as novas mortes foram por Influenza A H3N2 e por Influenza A não subtipado, com as ambas as vítimas de Campo Grande.

A Capital sul-mato-grossense concentra mais da metade dos óbitos pela doença. De janeiro até ontem, foram 21 mortes em Campo Grande, sendo cinco por Influenza A H1N1, oito por Influenza H3N2 sazonal, quatro por Influenza B e três por Influenza não subtipado.

Também foram registradas mortes por gripe em outros municípios, sendo são duas vítimas em Naviraí, duas em Costa Rica, duas em Coxim, e uma nos municípios de Alcinópolis, Aquidauana, Chapadão do Sul, Dourados, Nioaque e Três Lagoas.

No ano, foram notificados 1.020 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave, sendo confirmados 149 deles como Influenza. Em todo o ano passado, seis pessoas morreram vítimas do vírus Influenza no Estado. Fonte Correio do Estado.