PREFEITURA MUNICIPAL ARRECADA MAIS DE 23 MILHÕES EM CINCO MESES

Água Clara/MS

agua clara prefeituraApesar da crise, dos desmandos e outros fatores negativos que possam existir para a maioria dos municípios brasileiros, Água Clara/MS, não pode reclamar da sorte. De Janeiro a Maio deste ano a receita corrente da prefeitura foi de R$ 23.465.720,26 (vinte e três milhões, quatrocentos e sessenta e cinco mil, setecentos e vinte reais e mais vinte e seis centavos).

Isso significa uma receita de R$ 1.604,75 (mil seiscentos e quatro reais e setenta e cinco centavos) por habitante, pouco mais de dois salários mínimos. Os investimentos em saúde e educação ficaram no patamar legal, nenhuma novidade, tudo dentro dos conformes.

Mais uma vez o que chama a atenção são os recursos destinados a contratos com terceiros, pessoas jurídicas, e consultorias, somaram R$ 8.387.721,94 (oito milhões trezentos e oitenta e sete mil setecentos e vinte e um reais e noventa e quatro centavos), pouco mais de 35% da arrecadação. Já em obras e investimentos foram gastos 3,4 milhões de reais.

Nos dois primeiros anos da atual administração os gastos com terceiros e consultorias foi de R$ 17,9 milhões de reais, somados ao R$ 8,3 milhões deste ano chegamos a um montante absurdo de R$ 26,2 milhões de reais. Valor que daria para construir 520 unidades habitacionais populares,  ou 123 UTI móveis completas, ou 4 hospitais de pequeno porte completos, ou 8 escolas urbanas com 12 salas cada uma, com área construída 2.945,00 metros quadrados.

No mesmo caminho segue a Câmara Municipal de Água Clara, gastou em quatro meses R$ 114.755,00 com diárias, o que da R$ 12.750,00 para cada vereador em média. Diárias pagar para os edis participarem de congressos e cursos que não levam a nada. Nenhum deles aplica o que se “fala” nos tais cursos. Na verdade é apenas para complementar seus salários e enganar o povo, prova desta pratica nefasta são as ações que corem contra diversos vereadores e ex-vereadores por conta disso.

Por outro lado, copiando o chefe do Poder Executivo, a Câmara que deveria dar exemplo e fiscalizar gastou com terceirização gastou ela própria R$ 252.013, 21 (duzentos e cinquenta e dois mil treze reais e vinte centavos) valor que representa 24% do orçamento. Por: Mário Oliveira.