SANTOS JOGA MAL, MAS ARRANCA EMPATE COM O CEARÁ E SAI DO Z-4

O Santos arrancou um empate em 1 a 1 com o Ceará na noite desta quarta-feira, em Fortaleza, em jogo antecipado da 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Peixe foi mal, acabou dominado na maior parte da partida, mas volta para casa com um ponto conquistado. O Vovô abriu o placar com Arthur, aos 33 minutos do segundo tempo, depois de várias tentativas e grandes defesas de Vanderlei. E aos 41 minutos, quando a derrota parecia inevitável, o alvinegro empatou.

Alison, da intermediária, cruzou na área e Jean Mota, lateral-esquerdo, apareceu para marcar de peito. Na comemoração, o jogador provocou a torcida do Ceará. Ele estava no rival Fortaleza antes de vir para a Vila Belmiro.

O Santos sai da zona do rebaixamento e vai para a 15ª colocação, com 18 pontos. O Ceará segue como vice-lanterna, com 15 pontos. Na próxima rodada, o Peixe visitará o Atlético-MG. O Vovô receberá o Atlético-PR.

O jogo

O Ceará dominou todo o primeiro tempo. O Santos, acuado, foi envolvido e torceu para o árbitro apitar pela última vez antes do intervalo.

O Vovô fez valer o fator casa e foi para cima do Peixe desde os primeiros minutos. Arthur foi o destaque e obrigou o goleiro Vanderlei a fazer duas boas defesas em finalizações de fora da área. Juninho Quixadá ainda acertou o travessão.

O Santos não criou uma chance clara sequer. Na defesa, Gustavo Henrique, Alison e Jean Mota marcaram muito mal. Rodrygo, Bruno Henrique e Yuri Alberto erraram quase tudo. Para a segunda etapa, entraram Bryan Ruiz e Gabigol.

Empate na sorte

O cenário para o segundo tempo não foi alterado. Ruiz e Gabriel não entraram bem e Cuca acabou apostando em Gabriel Calabres, que havia jogado duas vezes na temporada, na metade final de jogo.

O Santos criou uma chance apenas, em ótimo lançamento de Carlos Sánchez para Bruno Henrique, aos 15 minutos. O atacante recebeu, invadiu a área e chutou para ótima defesa de Everson. Enquanto isso, Vanderlei seguiu salvando o Peixe. A melhor defesa foi aos 22 minutos, em mais uma boa jogada de Arthur. O centroavante serviu Calyson e o goleiro saiu bem para defender.

E aos 33, o placar fez justiça. Em contra-ataque de manual, a bola foi de pé em pé até Leandro Carvalho passar para Arthur, com categoria, deslocar Vanderlei. Na origem da jogada, Gustavo Henrique bateu em cima de Tiago Alves. Os santistas pediram pênalti.

E quando parecia que o Ceará confirmaria a vitória, o Santos achou um gol. E de forma completamente aleatória aos 41 minutos: Alison cruzou da intermediária para Jean Mota, de peito, empatar. Ponto a ser comemorado pelo Peixe, que sai da zona do rebaixamento.

FICHA TÉCNICA
CEARÁ 1 X 1 SANTOS

Local: Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza (CE)
Data: 8 de agosto de 2018, quarta-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
Assistentes: Michael Correia e Silbert Faria Sisquim
Cartões amarelos: CEARÁ: Edinho, Leandro Carvalho e Ricardinho. SANTOS: Jean Mota.

GOLS:
CEARÁ: Arthur, aos 33 do 2T;
SANTOS: Jean Mota, aos 41 do 2T;

CEARÁ: Everson, Fabinho, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Edinho, Richardson e Calyson (Luydi); Juninho Quixadá (Ricardinho), Felipe Azevedo (Leandro Carvalho) e Arthur
Técnico: Lisca

SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Jean Mota; Alison, Diego Pituca (Bryan Ruiz) e Carlos Sánchez (Gabriel Calabres); Rodrygo, Bruno Henrique e Yuri Alberto (Gabigol)
Técnico: Cuca

Fonte Gazeta Esportiva.