SOBEM PARA 29 OS MUNICÍPIOS EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA EM MS

Subiu para 29 o número de municípios em situação de emergência em Mato Grosso do Sul. Até sexta-feira (23), a quantidade de decretos vigentes era de 21. Mas não é de hoje que as chuvas vêm castigando os sul-mato-grossenses.

Levantamento da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil mostra que, nos últimos três meses, 150.822 pessoas foram afetadas de alguma forma pelos desastres ambientais. Desde dezembro do ano passado, ruas foram alagadas, estradas interditadas e pontes destruídas pela quantidade excessiva de água, que também provocou a cheia de rios e deixou centenas de desalojados.

Estão em situação de emergência os municípios de  Coronel Sapucaia, Novo Horizonte do Sul, Itaquiraí, Japorã, Eldorado, Miranda, Rio Verde do Mato Grosso, Bataguassu, Porto Murtinho, Sete Quedas, Tacuru, Iguatemi, Mundo Novo, Amambai, Bela Vista, Antônio João, Coxim, Caracol, Santa Rita do Pardo, Deodápolis, Brasilândia, Aquidauana, Anastácio, Nioaque, Jardim, Bonito, Batayporã, Corguinho e Dois Irmãos do Buriti. Destes, oito já têm mais de um decreto vigente.

É o caso de Miranda, que em dezembro do ano passado já havia sido afetada por um vendaval e agora sofre com a cheia do rio de mesmo nome.

A água atingiu casas de ribeirinhos na cidade e deixou 13 pessoas desabrigadas e 97 desalojadas, um total de 29 famílias afetadas. De acordo com a Sala de Situação do Instituto do Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), há quatro dias, o rio sobe entre oito e 16 centímetros e, ontem, o nível chegou a 7,65 metros. Fonte Correio do Estado.